Botucatu é maior que Itú e melhor que NY!

1
4096
Foto Serafim Arruda | Neblina na Rodovia Marechal Rondon, na região da serra

O Botucatuense gosta de contar histórias sobre sua cidade. Como tem dna do interior, conta a verdade, mas conta como se fosse um pescador que gosta de esticar as conversas. As idéias deste texto nasceram de um encontro entre eu e os jornalistas Fernando Hossepian e Alex Branco, numa fazenda na região.

Alex então editor da Gazeta Mercantil, estava interessado em saci.Hossepian (ex- Globo, EX-CPTM, FMB Unesp)  contava um tanto, eu aumentava outro tanto. Alex até hoje deve achar que almoçou com dois doidos.No conto abaixo, faltou muita coisa sobre Botucatu, mas tem o ano que vem. Senta que lá vem historia. 

 

A terra do nunca, sempre aqui…

Eu nasci naquela serra, desbravada pelos jesuitas, depois bandeirantes e posseiros. Terra onde vive o saci, já sofreu ataques alienígenas como o chupacabras, nos anos 1990. Uma radio já anunciou o fim do mundo que inspirou novela.

Quando Botucatu era parte de Gondwana, aqui já foi deserto, já teve vulcão e nossas montanhas seguravam um oceano que atualmente está recuado em Santos, Guaruja e etc. O Morro de Rubião é o nosso Vesuvio. É um vulcão adormecido. Quando ele acordar vai jogar a Igreja de Santo Antonio, ao Céu e nuvens…

Por aqui já pesquisaram petróleo. Uma foi a empresa de Monteiro Lobato, quando ele defendia a criação da indústria do petroleo e siderurgica. O primeiro poço de petróleo perfurado no Brasil, foi em Bofete. Na região, Lobato teria pesquisado petroleo em Piraju.

Deve ser nessa época que Lobato conheceu o Saci Pererê (que sempre se escondeu em nossas matas) e levou pro Sitio do Pica Pau Amarelo. Não to dizendo que esse livro e serie de tevê nasceu aqui, nem pense nisso. Mas Botucatu aparece no livro “O Escandalo do Petroleo e Ferro”.

 

Tem gente que jura de pés juntos, pela alma do pai e mãe, que Sumerios, civilização antes da Babilonia e Persia (isso é tempo pra cacete) pisaram e interagiram ou dominaram os nossos indios. Deixaram até inscrições em pedras. Dá pra ver em Rubião e nos morros de Bofete. Iguais na Pedra da Gavea no RJ.

Esta terra é tão boa, que durante décadas no século passado, o maior aquífero de agua doce do mundo atualmente denominado Guarani, atendia pelo singelo nome de aguífero botucatu. Ficaram com inveja e trocaram de nome. Tudo bem, temos o Arenito Botucatu.
Já entramos em guerra para a Inglaterra e vencemos.

De Botucatu, nos velhos tempos era um ‘rápido’ caminho até o Oceano Atlantico, via Tietê e Rio Paraná… Nunca me disseram, mas se quisessem dava para ir ate a Europa de barco a partir de Botucatu. Uma Riviera nos Tropicos do Cerrado.

Durante a Guerra do Paraguai, botucatuenses ricos resolveram contratar botucatuenses pobres para formar um pelotão, organizado pelo guerreiro Candido Costa. Por isso que tem uma rua Curuzu (da batalha do Curuzu, a primeira vencida pelos aliados dos brasileiros) do lado do Rio Lavapés e tem uma Praça Duque de Caxias, do lado da Prefeitura.

Consta ainda a nossa beligerante Botucatu, que na revolução de 1924, as tropas federais do Rio de Janeiro e Minas Gerais não passaram das nossas defesas, no Morro de Rubião. Está até no Dicionário das Batalhas do Brasil, de Hernani Donato.

Ganha-se algumas perde-se outras. Perdemos duas revoluções para os Gauchos.

Aqueles “selvagens” invadiram estre grotão abençoado duas vezes. Ocuparam a prefeitura e tomaram os pontos estratégicos. Rendidos aqui, em Itapetininga e Itapeva; São Paulo teve de se render! Atualmente os únicos gauchos que chicoteiam o lombo dos botucudos são os donos da Stadtbus – de Cachoeirinha, região metropolitana de Porto Alegre com seus onibus assustadores…

Para ficar nessa coisa de guerra, hoje estruturas metalicas dos aviões de guerra da Embraer voando mundo afora tem horas de mãos talentosas de metalúrgicos botucatuenses e agregados.

Dizem que tem meia cidade de Botumirim morando em Botucatu. Nem Nova Iorque tem tanto de uma só ‘etnia’. Se eleitor pudesse votar la em Minas; ela seria garantida aqui, principalmente na zona Leste.

Apesar de belicioso – todo botucatuense é humanista. Sulistas Americanos, embora escravocratas foram bem recebidos por aqui. Dentre vários, tem dois deles (importantes) que aparecem no livro e no filme “E o vento levou” sepultados no Portal. Aqui tinha até cemitério de evangelico. Catolico não se misturava nos velhos tempos.

Em nosso territorio tinha até uma “colonia Belga”, como tivemos uma “colonia Japonesa”. Aqui viveram russos, judeus, alemaes, suiços e em maior parte italianos, portugues e espanhois. Nos tempos atuais tem muito árabe (inclusive islamicos) e chineses de Taiwan e bolivianos ricos que andam emprestando dinheiro a prazo com cobrança diária…(?)

Sabe o Radio. Aqui um brasileiro, bem antes de Marconi, o Padre Landell, fez transmissões radiofonicas quando o religioso gaucho foi pároco na catedral local. Dizem que as Cruzes do Senhor suportaram as antenas de uma das primeiras emissoes de radio do mundo. Tem até patente dele de um equipamento similar ao telefone nos EUA.

Aqui é terra de saci e de manipulador genético. O que tem de empresa de inseminação artifical, carne com menos gordura, com mais proteína e até boi verde, que é tratado com homeopatia pra não ‘contaminar’ o leite, com remédio tradicional. Tem ate certificadora internacional de semestres organicas, biodinamicas, ecologicas e etc…

Aqui se faz os onibus da marca que transporta 50 por cento dos usuários de coletivos do Brasil. Aqui se faz o onibus mais bonito do mundo e veio da Espanha, graças ao talento dessa gente que faz.

Aqui tem fábrica de avião desde 1953. Antes de existir Embraer – desculpa ai hein terceirona do mundo -, aqui já fazíamos aviões no meio da rua, pergunta pra quem mora desde antigamente na Vila Antártica. Um dos primeiros pousos de avião no Municipio, foi do Marechal Casimiro Montenegro Filho, idealizador do ITA e denominação do Colégio Embraer de Botucatu, em uma fazenda conhecida como Boa Vista, na região da Duratex.

Tem até fábrica de peça de trator e uma faculdade é certificadora de tratores e implementos agricolas. Aqui se pesquisa até o uso de avião na agricultura.

Por enquanto não se faz disco voador, mas ta saindo um distrito industrial novo, quem sabe não fazem. No Colégio Embraer eles já fazem foguete. Na escola Armando Sales já fizeram avião.

Sabe drone militar? Já fazemos e vamos fornecer para as forças armadas e policia federal. Quem foi na LAAD Rio de Janeiro viu.

Botucatu é uma cidade iluminada. Tanto que temos uma das mais altas incidências de cancer de pele do Estado. Os raios UV aqui são semelhantes ao nordeste brasileiro. Por outro lado é muita gente branquela de origem europeia, daí a incidência da doença. Mas fica calmo, todo ano o pessoal da dermatologia da faculdade de medicina faz campanha e os problemas acabam.

Aqui tem até um curso de engenharia de bioprocessos e biotecnologia. Não sei direito o que é isso mas deve ser uma coisa espetacular. Criaram até um Parque Tecnológico de Biotecnologia.

Botucatu é um lugar tão bom de viver que a gente nem precisa mentir. Tudo que é grande fica em Itú, mas tudo que é exagerado fica no alto daquela serra, em Botucatu.

Sabe quem gravou o nosso ‘hino’? O cantor Daniel. Não sabe, vai numa inauguração da Prefeitura…

Se você ouvir algo sobre Botucatu, como Terra da Aventura, que isso e aquilo, voar de paraglider lançando-se de nossas ‘montanhas’ (que gostamos de chamar Cuesta) pode acreditar; mais de 40 cachoeiras e que dá pra nadar no Rio Tietê. É verdade. Aqui dominamos até poluição do velho rio. Em nossas montanhas, nasce o Rio Paranapanema, o mais limpo do Estado de São Paulo e o menos poluido do Brasil.

Aqui na região descobriram sitios arqueológicos bem antes e Moises se perder no deserto e a Record pensar em fazer novela religiosa. Acho que Adão andou por aqui antes de fazer retiro no Eden.

Em termos de fé somos a Nova Jerusalem. Enquanto o Brasil era um estado Católico e eram proibidos evangelicos como os Presbiterianos e Metodistas, Botucatu foi escolhida por eles para contribuir com a construção do Estado Laico. Vieram os evangelicos da Igreja Preta e com eles os Maçons.

Graças aos Presbiterianos e sua revolução no ensino, ganhando influencia e o Cardeal do Rio de Janeiro, que comandava o pedaço, resolveu criar o Bispado, ‘pra conter a fé estranha aos brasileiros’. Foi dai que surgiu o gosto pelo ensino e cultura. O bispo que veio relatava ao Cardeal que a cidade estava sendo dominada por cultos e celebrações anti-vaticano. Dai o cardeal da época desmembrou as provincias. Faziamos fronteira com o PR e MT. Com o tempo foi criada uma Arquidiocese com outras dioceses até o MT e PR.

Greve de Padre. Já tivemos. Cisma religoso. Pelo menos dois. Um criou a Igreja Católica Brasileira, que era contra o Nazismo. Outro, uma igreja Pentecostal.

A cidade fica nas nuvens. Estamos a quase 900 metros acima do nível do mar… Parece uma Suiça… Se for lá pelos lados da Demétria nem parece Brasil.

Temos até quem faz novela da globo..
O Brasil não seria Tricampeão de Futebol se não fosse o menino do Lagedo. Quem? Todos sabem o Zé Maria, que depois ajudou os corintianos a sair de décadas de Jesus.

Aqui em Botucatu até o Bispo entrou na revolução de 32. Foi criado o batalhão do Bispo, criado por D Carlos Duarte Costa, o segundo bispo da historia da cidade.

Podemos dizer que ganhamos algumas batalhas, mas perdemos algumas aos Gauchos, mas eles não passaram de Botucatu.

Botucatu é a Stalingrado dos Paulistas, mas o Rio Tietê não chegou a ser o nosso Volga!

São 162 anos de historia… o que não é historia é mentira, mas tudo que relatei está na historia de Botucatu e dos botucatuenses, o melhor povo entre os que se acham os melhores do mundo.


pra provar que tudo é verdade, segue o video do Daniel cantando o nosso hino. Ele insistiu tanto, ameaçou a encerrar a carreira, caso não cantasse. Tinha gente que não queria deixar, mas então deixamos…

Haroldo Amaral, editor do Botucatuonline.com

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.