Andrea Morato:

13 Reasons Why, os 13 porquês, as 13 razões.

Sim, estou escrevendo sobre a série adolescente que tem dividido a opinião dos series killers, como eu.

Ahhh, a crueldade adolescente!

Assistir 13RW foi  emocionante, suscitou ira e trouxe recordações que eu nem lembrava mais o quanto foram doloridas,então.

As relações sociais dentro da escola são dos mais variados tipos. Amigos desde o berçário cujos pais são amigos dos nossos pais, amigos novos cujos pais conhecem os nossos brevemente, amigos que fazemos cujos pais jamais se encontraram, amigos que chegam de outras escolas e de outras cidades. São relações complexas, incessante e cansativa equação de valores e simpatias.

E tem “eu mesma”, o eu que habita o corpo que vestimos, o eu em busca, curioso e destemido e que também quer ser aceito por ser quem é.

Nesse momento da vida corremos o risco de perder a noção do mal, do mal puro, e podemos nos tornar cruéis. Também corremos o risco de nos isolarmos por discordar das pequenas crueldades diárias, insistindo em nossas opiniões e nos valores que acreditamos serem os do bem.

Questionamentos sobre a era digital, a solidão e o sofrimento: 13RW, serie na Netflix e livros sobre as razões do suicídio, uma pandemia do século XXI

E são tantas as pequenas crueldades que, somadas, torturam o oprimido de tal modo que as cicatrizes podem ficar pra sempre ou, pior, podem levar a uma decisão irreversível.

A irreversibilidade do suicídio.

O suicídio é o tema de 13RW.

Então, sobre a crueldade.

Um dos piores desvios de caráter.

Recomendo a série pra todos como um meio de represtar atenção nas atitudes do dia a dia, nas atitudes e comentários que envolvam outra pessoa.

O preconceito é uma forma de crueldade além de ser arrogante.

O ser cruel é arrogante pois se vê superior a todos os outros seres.

Não seja cruel. Repense seus comentários e atitudes. Pense à frente e pese o mal que você pode causar ao outro.

Seja do bem.

É muito mais gostoso.

por Andrea Morato
Especial para o Botucatuonline.com

1 COMENTÁRIO

  1. Sangra em saúde o vereador e secretário Curumin ao se lançar numa campanha para solução de alguns problemas de Rubião Júnior. Será muito esforço físico para solucionar, por exemplo, o problema do lixo, e será muito grande a decepção. Nada será equacionado se não houver um programa sério de eficiente de EDUCAÇÃO AMBIENTAL. Um projeto que sensibilize a população em todos os níveis, especialmente as crianças e adolescentes e, também, os próprios coletores. Será necessário ordenar a coleta, de modo que o lixo residencial colocado nas calçadas não seja espalhado por animais e que, por isso, é abandonado pelo serviço de recolhimento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.