Beija Flor

AVE SIMBOLO DE BOTUCATU

PREFEITURA É PARCEIRA NO PROJETO

Foi criado no final de maio, o Clube de Observadores de Aves de Botucatu, dentro do projeto de extensão universitária “Passarinhando: Educação Ambiental e Conservação”, coordenado pela professora Silvia Mitiko Nishida, do Departamento de Fisiologia do Instituto de Biociências da Unesp de Botucatu.
Além de reunir ornitólogos, o objetivo do Clube é promover educação ambiental e a popularização da ciência por meio de atividades relacionadas à avifauna. O grupo realizou uma exposição há alguns dias de animais empalhados.
A professora Silvia destaca que as aves exercem papel fundamental no meio ambiente atuando como importantes dispersoras de sementes e na polinização das flores e que as ações desenvolvidas no projeto de extensão visam conscientizar a população no combate ao tráfico da vida silvestre e estimular o desejo de contemplar as aves no seu ambiente natural.

 

PREFEITURA É PARCEIRA NO PROJETO

Para a execução das atividades, foram realizadas parcerias. Uma delas com a Secretaria Municipal do Verde que cedeu espaço no Parque Municipal “Joaquim Amaral Amando de Barros” para reuniões mensais de planejamento do CoAVES-UNESP.
Também, no Parque Municipal, todo primeiro domingo de cada mês, entre 7h e 11h, acontece o evento “Passarinhando” que visa conectar as pessoas ao meio ambiente, por meio da observação do comportamento das aves.
A primeira edição, realizada em 11 de junho, contou com a participação do Secretário de Verde, Márcio Piedade Vieira, da assessora Fernanda Bernardi, de integrantes do Clube e de experientes observadores de aves de Botucatu. Na oportunidade, houve o registro de mais de 40 espécies de aves.
“Ao final de 12 meses, vamos apresentar a relação de aves encontradas no Parque, propor um mural fotográfico e o plantio de plantas ornitófilas nativas e exóticas. Esperamos, assim, popularizar a ciência por meio da observação do comportamento animal e suas interações”, comenta a coordenadora do projeto.

 

 

AVE SIMBOLO DE BOTUCATU

Nesse mesmo local está sendo realizada, desde o último dia 10, exposição fotográfica de espécies mais prevalentes em Botucatu e que foram catalogadas por meio de levantamento da avifauna que vem sendo realizado desde 2012, pelo Laboratório de Etologia do IB e de outros estudos como os coordenados pela professora Renata Fonseca, da Faculdade de Ciências Agronômicas de Botucatu.
Além de apreciar as imagens, os visitantes poderão participar de votação que elegerá a ave símbolo de Botucatu.
Na segunda quinzena de julho, a exposição e a escolha também acontecerão no Shopping Botucatu e, em agosto, nas dependências do câmpus de Botucatu da Unesp.
A partir da próxima semana, haverá ainda a possibilidade de conhecer as espécies que concorrem e votar por meio da página do Facebook do projeto “Passarinhando”. O resultado final será anunciado em 5 de outubro, quando é comemorado o Dia das Aves.
Os interessados em se filiar ao CoAVES-UNESP devem entrar em contato pelo e-mail coaves.btu@gmail.com.

(da assessoria)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.