Acusadas de agressão em creche de Itatinga se apresentam nesta quarta na DIG e serão encaminhadas a presídio feminino

0
1192
Momento em que atendente puxa o cabelo de uma criança na creche de Itatinga
Está agendado na Delegacia de Investigações Gerais DIG de Botucatu, a apresentação de duas funcionárias de uma creche de Itatinga, acusadas de maus tratos contra crianças menores de cinco anos de idade. A Justiça decretou a prisão das servidoras.
A decisão foi tomada pelo Promotor e Juiz de Itatinga, que encaminhou o pedido de prisão para o delegado da cidade, depois da denuncia de maus tratos feita pelos pais de alunos da creche, agravada com a divulgação de imagens na rede social.
Como há uma situação emocional muito forte na cidade devido à gravidade do crime, os advogados das servidoras públicas de Itatinga optaram pela apresentação oficial na DIG em Botucatu.
De acordo com o delegado Lourenço Talamonte, da Seccional de Botucatu, após a apresentação as duas acusadas serão levadas para um presídio feminino.
“Como temos o pedido de prisão preventiva, as acusadas serão levadas até um presidio, pois as cadeias de nossa região são transitórias”, explicou o delegado. Desde a ultima segunda-feira, 10, as duas servidoras são consideradas foragidas da Justiça.
A Prefeitura de Itatinga informou que as servidoras não são da área de educação, mas atuam como atendentes em creches há muitos anos, indicando o desvio de função e falta de habilitação para a função.
No vídeo considerado grave pela Justiça, é visto as atendentes agredindo com puxões de cabelo algumas crianças e em determinado momento colchões são jogados – sem acertar – contra os menores.
Outro caso considerado grave foi uma das atendentes forçar uma menina a ser beijada por um menino. Após a servidora facilitar o beijo a criança passa a perseguir a menina dentro da creche querendo mais beijo. As imagens mostram o menino rolando no chão forçando o beijo. O Conselho Tutelar está acompanhando o caso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.