Everaldo Rocha é presidente do PT de Botucatu
Nesta terça-feira, 3, o Partido dos Trabalhadores de Botucatu vai promover uma reunião ampliada, para explicar o posicionamento do partido, que foi contrário ao afastamento de Aécio Neves (PSDB) do Senado.
O argumento dos petistas é de que o STF decidiu afastar o adversário e presidente do PSDB, sem previsão constitucional, por isso “o PT repeliu a decisão, defendendo a soberania do Senado Federal”.
A reunião ampliada será na sede do partido, na Rua João Passos, 2193, às 19h30.
Militantes e simpatizantes do PT defenderam posições a favor e contra a decisão do STF.
O objetivo é discutir a política dentro dos critérios constitucionais, envolvendo a soberania dos poderes e a legalidade das ações e a atuação partidária.

(com assessoria)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.