Clima esquenta no MDB do vereador Abelardo e do pré-candidato Fernando Izquierdo

0
133
A calma acabou no sonolento PMDB de Botucatu que tem representante no Legislativo, depois de muitos anos sem representação. Há poucos dias o novo filiado e pré-candidato a deputado estadual Fernando Garcia Izquierdo publicou na rede social uma nota ameaçando de expulsão o vereador Abelardo Costa Neto.
“Vereador Abelardo MDB. Tome uma postura ética com o partido. Se não vou tirar você do partido. Não serás mais vereador”, escreveu no facebook o empresário e político que já tentou ser prefeito de Botucatu pelo PSC, em 2004, Fernando Garcia, conhecido como Fernando Espanhol.
Fernando Izquierdo, segundo divulgou na internet, é filiado ao PMDB, partido pelo qual pretende disputar vaga na Assembleia Legislativa, desde o dia 21 de março de 2018. Na publicação em que anuncia sua entrada na legenda, ele avisa que está tudo pronto para a sua candidatura a deputado estadual.
O vereador Abelardo Costa Neto negou existência de problemas na legenda até o momento.
“Ele que fez uma postagem no facebook, que era para eu ter ética com o partido, senão, ele iria me tirar da legenda. Não vou sair do PMDB”, garantiu o vereador.
Na ultima terça-feira o vereador escreveu em seu perfil.
Pensei que já tinha visto de tudo para me derrubarem, mas essa por enquanto está na frente… Convidei esse senhor (Fernando Izquierdo) para o meu programa, Quinta feira, 5, ao vivo”, informou. O debate não aconteceu.
Ao final da postagem, Abelardo Costa Neto agradece aos dirigentes do diretório do PMDB de Botucatu que “realmente representam o partido em Botucatu, que me dão total liberdade, principalmente em lutar a favor da população”.

HERCULANO E RITA

O que teria motivado o desentendimento entre os peemedebistas seria o casal de deputados Herculano e Rita Passos, deputado federal e estadual do PSD DE Itú, com quem Abelardo tem relações históricas há pelo menos duas eleições, desde os tempos em que iniciou na política local no PV.
“Não é que ele não quer me apoiar. Ele pode escolher outro candidato a deputado desde que seja do PMDB. É o mínimo que esse vereador deve fazer para ter ética com o partido que lhe deu a legenda. Esse negócio de ser do MDB e trabalhar para candidatos de outro partido no caso aí é o PSD, o presidente estadual do partido Baleia Rossi e eu, pré candidato a deputado estadual pelo MDB não concordamos. Esse é o pensamento que vamos construir no novo MDB na região”.
O vereador Abelardo Costa Neto foi questionado sobre apoiar ou não Rita e Herculano Passos, nas eleições do dia 7 de outubro, mas ele não respondeu.

(com jornal Leia Noticias)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here