A Cozinha Piloto da Prefeitura de Botucatu, responsável pela merenda escolar da Rede Pública de Ensino, mais uma vez foi reconhecida como modelo a ser seguida no Estado de São Paulo.
Na última sexta-feira, 31, a Cozinha recebeu a visita do Secretário de Educação de Diadema, Cacá Viana, acompanhado de uma comitiva formada por nutricionistas e técnicos da área de engenharia, financeira e pedagógica.
A equipe de Diadema foi recepcionada pelo Secretário de Educação, Valdir Paixão, pela Secretária Adjunta de Educação, Claudia Gabriel, e pela nutricionista da Cozinha Piloto, Meire Gea.
O objetivo da visita foi conhecer as instalações e os equipamentos utilizados pela Cozinha Piloto, bem como o cardápio diferenciado oferecido aos alunos.
“Em nossa cidade não possuímos uma cozinha centralizada para produzir a merenda para os nossos 33 mil alunos da Rede. Cada unidade escolar, da creche ao Ensino Fundamental, produz a sua própria merenda e estamos verificando a viabilidade de criar uma cozinha piloto como essa de Botucatu para atender a todas as escolas”, explicou Caca Viana.
“Ficamos muito felizes em dividir o nosso conhecimento com outros municípios e servir como bons exemplos de administração e gestão”, comentou o Secretário Valdir Paixão.


Coordenadoria de Alimentação Escolar 

A Merenda Escolar de Botucatu é composta pela Cozinha Piloto, padaria, depósitos e administração. O preparo das refeições é centralizado e atualmente atende aproximadamente 23 mil alunos do Ensino Fundamental, Médio, Infantil, Supletivo, entidades e projetos, além de mais 2 mil refeições em horário diferenciado para o Projeto Recrear (projeto municipal de contra turno escolar).
As refeições são preparadas de acordo com o cardápio, elaborado por nutricionista. Este cardápio é balanceado e varia entre as crianças dos Centros de Educação Infantil, Pré-Escola e Ensino Fundamental ao Médio.
A agricultura familiar atende parte das hortaliças, frutas e legumes (alface, tomate, chicória, rúcula, agrião, banana, maça, melancia, mexerica, ameixa, pêssego, dentre outras) que são enviados às escolas.
Os Centros de Educação Infantil, que atendem aproximadamente 3 mil crianças do berçário ao maternal, recebem os produtos para preparo da refeição na própria unidade escolar. Os gêneros alimentícios não perecíveis são enviados mensalmente e os perecíveis (leite, carne, frutas, hortaliças e legumes) semanalmente.
A padaria da Cozinha produz 23 mil pães diariamente, das seguintes variedades: pães leite, mandioca, milho, pão de minuto, batata, batata doce e cenoura, que são distribuídos para escolas estaduais (ensino fundamental e médio), municipais (creches, EMEIs, EMEFs, EMEFEIs e Supletivos), além de outras instituições e projetos.

 

(da assessoria)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.