Orixás
A futura Primeira Dama do Brasil, Michelle Bolsonaro, informou que não vai deixar exposto no Palácio da Alvorada, obras de arte que tratam de temas relacionados à arte sacra africana. Uma das obras é da artista plástica avareense Djanira Mota, autora de um quadro chamado “Orixás”. O quadro de Djanira vai sair da exposição do Palácio pela segunda vez.  A primeira vez em que a obra de Djanira Mota foi ‘censurada’ foi na gestão do general presidente Ernesto Geisel, de confissão Luterana, que mandou retirar o quadro, entre 1974 e 1979.
Católicos também
Pelo jeito Michelle Bolsonaro vai fazer uma limpeza nos quadros de inspiração religiosa no Alvorada. Não serão apenas as obras de arte que remetam à cultura e religiões africanas, mas também de fé Católica Romana. Ligada a Igreja Batista do RJ, a Primeira Dama determinou a retirada dos quadros católicos. Tudo vai ser realocado no Palácio do Jaburu, onde vai residir o General Mourão, vice-presidente da República, eleito em outubro passado.
Lamentos
Djanira Motta, reconhecida internacionalmente pela sua arte, nasceu e viveu parte de sua vida em Avaré e depoois foi para o RJ. Djanira que faleceu em 1979, continua com suas obras expostas no Museu do Vaticano, como a Sant’Ana de Pé, obras  no Museu Nacional de Belas Artes e no Museu de Jorge Amado, na Bahia, com o Mural Candomblé. Djanira tinha várias pinturas com temáticas religiosas de Roma e África.
Alertas
A Secretaria Estadual de Saúde está alertando as pessoas que viajarão para o litoral paulista que redobre os cuidados com os riscos de febre amarela. Segundo a médica Helena Sato, os riscos de contrair a doença na região são altos, devido aos casos registrados nos últimos dias. Foram 2 casos em S. Sebastião; 1 em Ubatuba; 5 na Baixada (3 Peruíbe, 1 Guarujá, 1 Itanhaem e 1 em S. Vicente). No final de ano, mais de 2 milhões de pessoas são esperadas naquela região. As vacinas devem ser tomadas 10 dias antes da viagem.
Preocupados
Profissionais de diversas categorias que atuam na recuperação de pessoas dependentes de álcool e droga estão preocupados com a possibilidade de o governo de Jair Bolsonaro, colocar em pratica promessa de cortar recursos do SUS para atendimento psiquiátrico desses doentes. Em Botucatu há temor de cortes tanto na rede de saúde como para auxiliar comunidades terapêuticas de inspiração religiosa e filosófica.
Avós
Cristina e Luiz Aurélio Pagani estão comemorando o nascimento do primeiro neto, filho de Gabriela e Naca. O bebê nasceu no ultimo dia 18 e até agora Lelo e Cris não pararam de comemorar. É tanta a emoção que o bebê de poucas horas já acumula dezenas de horas vídeos e milhares de fotos. Mas não são apenas os avos e papais que estão comemorando, mas também as bisavós, que não para de elogiar a criança e estimular quem ainda na família não viraram papai e mamãe a ir se encorajando.
Desenvolver
Em suas primeiras entrevistas depois de eleito, Ednei Carreira (PSB) afirmou que vai trabalhar para o desenvolvimento de Botucatu. “Não podemos bloquear o avanço da cidade”, raciocinou ao comentar sobre encaminhamentos de projetos do executivo, mesmo que polêmico.  Além disso, é certo o retorno da discussão sobre a permissão ou não para realização de rodeios em Botucatu. Carreira disse que Conselhos Municipais são quem farão tal encaminhamento em 2019.
Sem prédio
A cada dia que passa vai aumentando a convicção dos vereadores de fazer um puxadinho do Poder Legislativo no centro da cidade que construir seu prédio novo na região do Fórum. A área já existe, foi gastos recurso publico para o desenvolvimento de um projeto que não foi encaminhado. Carreira diz que prefere comprar uma casa ao lado da Câmara, na Rua Marechal Deodoro. “Se comprarmos esse prédio, poderemos melhorar o atendimento ao publico”, argumentou Carreira.
Não muda
O Presidente eleito do Legislativo afirmou que não vai mudar os assessores jurídico e de imprensa do Gabinete da Presidência. Também deverá ser analisado pela direção da Câmara e da Mesa do Legislativo, a contratação de um diretor de programação para a TV Câmara que foi recentemente inaugurada e transmite as sessões do Legislativo.

1 COMENTÁRIO

  1. A ignorância e o preconceito levam pessoas que se entendem superiores aos demais, a cometerem barbáries como esta. Vale lembrar a esta senhora e a outros ignorantes mais, que esta residencia é para ela temporária e as obras são atemporais, e não pertencem a ela. desta forma, e demonstrando imenso desrespeito as demais religiões que não a dela, é que acontece tal disparate. É uma pena que em nosso pais, uma obra valha menos que a ignorância e a arrogância de uma personagem passageira e que espero, passe BEM rápido.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.