Paisagens de tirar o folego
A inovação sempre esteve presente no DNA da agência Brasil Ride, a principal organizadora de eventos de ciclismo no País. Assim, a promotora sai na frente e realiza em Botucatu (SP) a primeira competição brasileira na modalidade gravel (cascalho), a Diverge Gravel Race Brasil Ride.
O evento está marcado para a tarde de sábado (27) no Celeiro Restaurante, e terá a participação inédita de Mario Roma, o fundador da Brasil Ride, competindo ao lado de ninguém menos do que o norte-americano Ned Overend, o primeiro campeão mundial de mountain bike cross country, em 1990, o padrinho da disputa.
“A primeira prova exclusiva da modalidade no Brasil, terá 100 bicicletas gravel, com ciclistas de cinco estados (São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Paraná) e quatro países (Brasil, EUA, França e Portugal), sendo deste total 11 mulheres, pedalando por locais lindos da região de Botucatu. É uma prova que está iniciando, mas que chega com tudo, com a presença do campeão mundial Ned Overend. Estou com frio na barriga, porque será a primeira vez em dez anos que vou competir em uma das provas da Brasil Ride. Duas estreias, a minha, e a da gravel, em um evento só”, destaca Mario Roma, fundador da Brasil Ride.
A modalidade gravel caracteriza-se pela mistura dos terrenos road/off-road. As competições deste estilo apresentam suas formas mais rústicas e são bastantes comuns no cenário europeu e norte-americano.
Na Diverge Gravel Race, os amantes do esporte vivenciarão um dia em clima de happy hour. A tradicional camisa de Finisher, presente na ultramaratona Brasil Ride, será substituída pela caneca de chope, para a confraternização com os amigos e família após o pedal em um percurso de 65 km, com altimetria acumulada de 1.172 m.
“Quando falamos do futuro, o que é importante para as competições é apresentar aos atletas eventos de qualidade, com um clima de festival e que ofereçam uma grande experiência aos entusiastas do esporte. Os promotores têm entendido isso, como os da Brasil Ride, um exemplo perfeito, que virou uma corrida icônica e agora chega a seu aniversário de dez anos. Essa é a direção que as competições ciclísticas têm que tomar”, enaltece Ned Overend.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.