Valdir Paixao é Secretário de Educação | Argquivo
O Governo de São Paulo vai fracionar as tradicionais duas férias escolares do ano em quatro a partir de 2020. Atualmente a rede tem 30 dias em julho e um pouco mais de 30 no final do ano, começando em meados de dezembro e encerrando no final de janeiro.
Os alunos da rede pública estadual a partir de 2020 terão 15 dias de férias em julho e o restante fracionado em uma semana no mês de abril e outra no final do terceiro bimestre do segundo semestre, em outubro, segundo a proposta da Secretaria Estadual de Educação.
Botucatu poderá seguir o modelo do Estado. Como a ideia têm impacto em custos partilhados com Municípios como transportes, merenda, combustíveis entre outros gastos, a Secretaria Municipal de Educação de Botucatu está buscando entendimento no planejamento com a Diretoria Regional Estadual de Ensino.
Segundo explicou o professor Valdir Paixão, Secretário Municipal de Educação, diversos serviços atrelados à educação de Botucatu e do Estado, como compartilhamento de ônibus do transporte escolar, merenda, funções de funcionários da área, entre outros, o Estado e o Município formarão uma comissão mista para analisar os impactos.
“Não definimos no município se teremos 4 férias ao ano, conforme o Estado propõe, mas estamos analisando o impacto disso nas operações conjuntas e como isso interferirá em nosso trabalho”, adiantou o Secretário Valdir Paixão.
A ideia de criar 4 férias anuais a partir de 2020, primeiro surgiu no Estado do Espírito Santo, seguindo orientações de estudos pedagógicos que indicam férias menores, maior aprendizado para os alunos.
Grupos técnicos da Educação de Botucatu e da Diretoria Regional de Ensino vão se reunir para dimensionar os custos para cada instituição pública.
“Não temos nada definido. Temos de dimensionar os impactos para os servidores da educação, professores, diretores, supervisores entre outros, além de como ficaria o trabalho da Merenda Escolar, do Transporte por exemplo”.
A comissão mista deverá apresentar o relatório ao Secretário Municipal e a Dirigente Regional de Ensino em breve. Apesar de o Estado dar como certo as 4 férias no ano, o Município ainda não definiu essa questão.
Por enquanto em Botucatu, em 2020, as férias serão 2 no ano. Uma em Julho e outra começando em meados de dezembro indo até final de janeiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.