A Organização de Procura de Órgãos (OPO) do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) realizou na manhã desta segunda-feira, uma captação de múltiplos órgãos. Esse processo só foi possível graças ao gesto de solidariedade da família de um jovem paciente diagnosticado com morte cerebral, que autorizou a doação de córneas, rins, fígado e coração, beneficiando pacientes que esperam na fila por um transplante.
Não foi revelada a origem da pessoa doadora.
A equipe do Instituto do Coração (InCor) do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HCFMUSP) esteve no HCFMB para captar o coração para transplante imediato.
Já fígado, rins e córneas foram captados pelas equipes do HCFMB. Todas as diferentes equipes atuaram ao mesmo tempo para fazer o procedimento, que durou cerca de quatro horas.
Segundo o coordenador médico da OPO do HCFMB, Dr. Laércio Martins Stefano, as buscas por possíveis doadores de órgãos e tecidos são realizadas diariamente, tanto no HC de Botucatu, quanto nos hospitais da região.
“Uma vez identificado um possível doador, começamos um processo bastante rigoroso para o diagnóstico de morte encefálica, conhecida como morte cerebral. Nesse momento, a família do paciente é comunicada sobre o possível diagnóstico de morte. Esse processo é bastante delicado e exige a ação de profissionais extremamente capacitados”, diz.
A OPO do HCFMB é responsável por diagnosticar potenciais doadores de órgãos e tecidos, organizar e apoiar o processo de doação e transplantes em cerca de 50 municípios da nossa região e em alguns casos, até de outros estados.
Para ser um doador de órgãos, a pessoa deve manifestar seu desejo à família e pessoas mais próximas. Para um transplante de órgãos, só importa a compatibilidade entre o doador e as várias pessoas que esperam por novo órgão. São vidas que dependem de outras.

 

(com assessoria)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.