A festa era de inverno. Mas o que se sentia era muito calor humano. Foi com este clima que a Guarda Mirim de Botucatu promoveu na tarde do último sábado (24) uma confraternização voltada aos jovens abraçados pela entidade. 
O encontro, regado a muita comida, brincadeiras, prêmios e música, também é uma forma de integrar e celebrar uma nova fase da instituição, que há 45 anos busca oferecer educação e cidadania a adolescentes a partir dos 15 anos.
“Nossa missão é de cuidar e ajudar a desenvolver esses jovens para o mercado de trabalho. Hoje temos 250 menores registrados em empresas da indústria e comércio de Botucatu e mais de 300 em cursos de capacitação”, informa Milton Mauro Caricati Devidé, atual administrador da Guarda Mirim.
Um desses jovens que fazem parte da “Família Guarda Mirim” é Flávia Eduarda Gravito, de 17 anos. Desde os 15 na GM, a caçula de quatro irmãos hoje trabalha como menor aprendiz no setor administrativo da Eucatex.
“Meu contrato termina no fim do ano e já estou com dor no coração. Mas tenho certeza que vou continuar na empresa. A Guarda Mirim traz uma confiança incrível de que a gente pode ser um jovem responsável e com futuro melhor”, afirma.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.